Nervo ciático – O que é?

– O que é nervo ciático?
– Sintomas, causas e tratamento da Dor no Nervo Ciático.

 

nervo-ciáticoO nervo ciático corresponde ao maior nervo do corpo humano. Começa na espinha inferior e desce pela parte posterior de cada perna. Ele é responsável pelo controle das articulações do quadril, joelho e tornozelo e também dos músculos posteriores da coxa e dos músculos da perna e do pé.

O problema com o nervo ciático ocorre quando alguma pressão ou lesão o afeta. Esse dano ao ciático pode ocorrer dentro do canal espinhal – entre as vértebras por onde passa a medula espinhal – ou em outros pontos de seu percurso. E, uma vez inflamado por algum tipo de compressão externa ou outros fatores, surge a famosa dor ciática que apresenta uma série de sintomas:

– Dor aguda em uma parte da perna ou quadril;

– Dormência ou formigamentos;

– Fraqueza muscular nos membros inferiores;

– Sensação de “queimação”;

– Pinçadas ou espasmos de dor na parte baixa da coluna e ao longo do nervo ciático;

– Perda de sensibilidade ou diminuição dos reflexos na região afetada.

A dor pode se tornar mais intensa durante a noite e ser agravada pelos movimentos. Dentre as causas, podem estar: a estenose da coluna lombar, o traumatismo, a hérnia de disco lombar, a ruptura ou o deslocamento do disco intervertebral e a síndrome do músculo piriforme, responsável pela rotação da coxa.

A dor no nervo ciático pode afetar homens e mulheres e, conforme o envelhecimento, sua frequência aumenta, uma vez que as estruturas da coluna vertebral sofrem um desgaste crescente com o passar dos anos, comprometendo a medula espinhal, bem como as raízes que dão origem aos nervos.

Saiba mais sobre Dor no Nervo Ciático

Tratamento para a dor no nervo ciático

Desenvolvido pelo ITC Vertebral, o programa fisioterapêutico conhecido por RMA (Reconstrução Músculo-Articular) da Coluna Vertebral, utiliza técnicas de Fisioterapia Manual, Mesa de Tração Eletrônica, Mesa de Descompressão Dinâmica, Estabilização Vertebral e Exercícios de Musculação ou Pilates. O objetivo desse tratamento não visa promover, apenas, a descompressão do nervo, mas busca também a prevenção de crises.

Conheça todas as etapas do tratamento com RMA da Coluna Vertebral.

É ideal que o paciente também siga algumas recomendações básicas, como:

– Evitar o uso de calçados com saltos muito altos;

– Adotar uma postura correta;

– Não realizar movimentos bruscos com a coluna vertebral;

– Tomar cuidado ao erguer um peso a partir do chão;

– Praticar exercícios físicos que ajudem a fortalecer a musculatura de todo o corpo, como o Pilates.

Conheça os benefícios do Pilates

Tratamento NÃO cirúrgico para
Hérnia de Disco e Dor Ciática

Conheça o Tratamento

Receba mais informações sobre Dor nas Costas
gratuitamente em seu e-mail.